O fim da República?

Assim como você, também tive acesso à notícia da delação envolvendo nosso atual presidente, Michel Temer e um ex-candidato à presidência, Senador Aécio Neves. É impossível não ficar estarrecido diante da gravidade do que nos é apresentado por intermédio dos noticiários. Por esta razão, para preservar a isenção e a imparcialidade, optei por estudar os mapas astrológicos correspondentes no dia seguinte.

A primeira impressão, após uma análise minuciosa, é o abalo sofrido pela identidade e imagem do país. A repercussão na imprensa estrangeira foi imediata e, entre nós, misturam-se assombro, indignação e falta de perspectivas. Fala-se de novas eleições, contrariando o que prescreve a Constituição de 1988. Hoje, vieram-me à lembrança as palavras de meu avô, que dizia que bastavam um único artigo: “Todo brasileiro deve ter vergonha na cara. Revogam-se todas as disposições em contrário”. Chamava aos parlamentares de “Assembléia prostituinte“.

Com esta palavras em mente, resolvi investigar dar outro rumo às minhas investigações astrológicas e incluir o mapa da promulgação da Constituição de 1988. Ao fazê-lo, minhas suspeitas se confirmaram. As notícias da época deram ênfase aos aspectos sociais da nova Constituição. Porém, como dependia de regulamentação em vários aspectos, permitiu diversas brechas jurídicas, propiciando o surgimento da promiscuidade entre os três Poderes e o meio empresarial através do sistema eleitoral.

Em outras palavras, apesar de aparentemente minuciosa e abrangente, de fato, a Constituinte foi promulgada incompleta, a ponto de existirem diversas emendas. Com respeito às eleições, acabaram dando vantagem a quem obtivesse mais exposição nos meios de comunicação e não necessariamente que estivesse melhor preparado para exercer a função a qual se candidatava ou ainda (e principalmente), tivesse um plano de governo (cargos executivos) ou uma proposta a ser defendida (cargos legislativos). O resultado é conhecido, transformando os Poderes da República em balcões de negócio.

Sem dúvida, é preciso apurar minuciosamente os fatos, responsabilizar aqueles que cometeram delitos. Entretanto, é preciso olhar um pouco além percebendo que o atual sistema eletivo não tem representatividade. Trata-se de um fenômeno mundial, que no Brasil, resultou no desvio de enormes recursos públicos para fins particulares, quando o mandato é, de fato, público e não pessoal.

O clipe abaixo contém a avaliação astrológica a partir dos mapas da Independência do Brasil, Eclipse Solar de 26/02/2017 e a hora (aproximada) em que a notícia veio a público através do plantão do Jornal Nacional.

Conclusão

Uma análise preliminar dos mapas acima aponta que a notícia do envolvimento de Michel Temer e Aécio Neves são apenas a ponta do iceberg de mudanças há muito esperadas nos rumos da condução da política em nosso país. Estas não virão de imediato, mas ocorrerão a partir de outubro e dezembro de 2017, estendendo-se ao longo de 2018, ano eleitoral.

As configurações que incluem Vênus, em todos os mapas, inferem a importância das mulheres neste momento vivido pelo Brasil, especialmente através de uma maior participação não apenas no mercado de trabalho, mas também, nas decisões dos destinos da economia. Acredito que são um mercado consumidor respeitável (em São Paulo, o número de mulheres que adquire imóveis ou veículos ou ainda, inicia novos empreendimentos, é considerável e superior ao dos homens).

Por fim, a análise destes mapas não permite indicar a renúncia ou impedimento de Michel Temer. Para este fim, outros mapas terão de ser investigados.

Anúncios

, , , ,

  1. #1 by Neto on 22 de Maio de 2017 - 9:37

    Um ótimo artigo.

    O brasileiro deixa-se enganar muito fácil, e inclusive por demais ingênuo, e quando se partidariza de um lado sofre decepção. Esse eclipse de 26/02 caindo oposto ao Sol natal do Brasil não está fácil, é problema e escândalo em cima de outro, dificultando a estabilização nacional

    Gostar

  2. #3 by Ana Cristina V Vellardi on 23 de Maio de 2017 - 15:48

    Muito interessante o que coloca, um prazer ter encontrado esse blog! Fiz uns exercícios com as cartas da independência e de outras mudanças institucionais, como a do golpe da maioridade, república velha, estado novo, 1964 e 2016, abrindo as revoluções solares, e verifiquei grandes associações envolvendo Marte e Saturno. Marte indicador do parlamento e economia e saturno do projeto de nação e sacrifícios, segundo a carta da independência que considerei como natal. No de 2016 estavam os dois maléficos conjuntos com Antares a indicar um ciclo….Nesse exercício, nos encontramos em maio/17 com marte em trânsito oposto ao marte da RS de 2016, coincidindo com essa crise envolvendo Temer ( áudios….). Em início de out/2017 ocorrerá a sua última quadratura, e o final desse ciclo está indicado para fev/mar/abr/2018. Foi só um exercício, mas aproveitei para dividir. Ainda me inicio na astrologia antiga….. e acabo que ainda me utilizo de outros recursos. O que te parece? Um abraço e parabéns por esse espaço, vou explorar….

    Gostar

    • #4 by Henrique on 23 de Maio de 2017 - 15:51

      Muito bom! Gostei de suas observações e principalmente por ter testado por si própria. É a única maneira de fixar a interpretação astrológica. Parabéns!
      Obrigado por seus comentários!
      Abraços e Paz!

      Gostar

  3. #5 by Ana Cristina V Vellardi on 23 de Maio de 2017 - 16:18

    postei antes de terminar de ouvir seu áudio, muito interessante mesmo. Verifico que algumas datas batem, mesmo utilizando de recursos distintos… fiquei apenas com dúvida sobre a atribuição do significador do parlamento, acho que me equivoco em considerar a 9? Obrigada professor!

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: